Home > Destinos > América Central > Copán Ruinas

Copán Ruinas, Honduras

Honduras é o segundo maior país da América Central e conta com diversos atrativos naturais e culturais. Os parques naturais da região de Moskitia, no nordeste do país, próximos à fronteira com a Nicarágua, possibilitam imergir em uma floresta selvagem e praticamente inexplorada, navegando pelos rios da "Amazônia centro-americana". As ilhas do Caribe hondurenho, entre as quais destaca-se Roatán, oferecem praias e muito boas opções de mergulho. No interior do país, as cidades coloniais de Gracias e Comayagua têm lá o seu valor. São as ruínas maias de Copán, no entanto, que mais costumam atrair a atenção dos visitantes.

Grupo Principal - Main Group
Grupo Principal - Main Group

Localizada no extremo ocidental do país, a apenas 10km da fronteira com a Guatemala, a cidade de Copán Ruinas, hoje com cerca de 30.000 habitantes, deve a sua fundação, no final do século XIX, à proximidade com as ruínas homônimas. Trata-se de uma cidade agradável e facilmente explorada a pé, já que a grande maioria da atividade urbana de interesse turístico se concentra num raio de até 5 quadras da praça central. O local é considerado seguro para os padrões hondurenhos, mas convém não afastar-se do centro, principalmente a noite.

Copán foi a capital de um importante reino maia do período clássico e uma potência regional no sul da área dominada pelos maias entre os séculos V e IX. Embora a região já fosse ocupada há séculos antes do domínio maia, atribui-se a refundação de Copán a um guerreiro, possivelmente oriundo de Tikal (atual Guatemala), no ano 426 da nossa era. A cidade viu o seu apogeu entre os anos de 695 e 738, durante o reinado de 18 Coelho. Nesse último ano, Copán sofreu uma importante derrota militar para Quiriguá, seu antigo estado vassalo, e entrou em decadência. Acredita-se que o seu colapso tenha ocorrido por volta do ano 830. Quando os conquistadores espanhóis chegaram o local já havia sido abandonado há vários séculos.

Estela, Copán Ruinas, Honduras
Estela, Copán Ruinas, Honduras

Na atualidade, o sítio arqueológico de Copán está dividido em dois setores de maior interesse: o Grupo Principal e as Sepulturas. A entrada para o Grupo Principal está localizada a pouco mais de 1km do centro da cidade e pode ser facilmente alcançada a pé; as Sepulturas encontram-se cerca de 1.5km mais além pela mesma estrada e, embora ainda alcançável a pé, trata-se de um caminho muito menos frequentado, ainda que teoricamente seguro. Recomenda-se chegar o mais cedo possível durante a manhã, de modo a evitar o calor intenso do meio do dia e ter uma maior possibilidade de evitar os grupos de turistas que tendem a chegar mais tarde. Em geral, pode-se visitar calmamente ambas áreas em não mais de seis horas.

O grupo Principal ocupa uma área de cerca de 600m x 300m e é dominado pela Acrópole, o antigo complexo real, composta por duas praças cercadas por estruturas elevadas, entre as quais se incluem pirâmides e palácios. Outras estruturas importantes são a Escadaria dos Hieróglifos e o Jogo de Bola, além da Praça dos Monumentos, onde encontra-se uma grande quantidade de estelas - hastes de pedra altas com diversos detalhes esculpidos. Nessa área também encontra-se o Conjunto dos Cemitérios. O excelente Museu das Esculturas foi construído a poucos passos do sítio arqueológico e abriga diversas das esculturas originais encontradas em Copán (em muitos casos, os trabalhos originais foram transladados para o museu, sendo que apenas as réplicas estão em exposição no sítio arqueológico, facilitando assim a conservação). O grupo das Sepulturas é menos concorrido e menos impactante que o Principal, mas também merece ser visitado para permitir uma ideia mais completa sobre o modo de vida daquela época - ao contrário do que nome possa sugerir, o grupo das Sepulturas não é caracterizado por túmulos, mas pela área residencial então habitada pelos nobres da cidade.

Museo de Esculturas
Museo de Esculturas

Embora as ruínas maias sejam, sem dúvida, a principal atração de Copán Ruinas, existem diversas outras atrações nas vizinhanças, a maioria delas envolvendo o contato com a natureza. Entre elas, a reserva de pássaros Macaw Mountain, oferece uma proposta interessante, ao promover o contato, com intuito educacional, com diversas espécies de aves. Em alguns casos pode-se caminhar dentro das gaiolas ou interagir com os pássaros soltos, mas que frequentam áreas específicas do parque. Macaw Mountain encontra-se a 2.5km do centro da cidade e pode ser facilmente alcançado com um tuc-tuc (a volta, em descida, é mais factível a pé).

Macaw Mountain
Macaw Mountain

A principal porta de entrada para Copán Ruinas é o aeroporto internacional de San Pedro Sula (e acredite, essa é a única razão porque você vai querer passar por San Pedro Sula), localizado a cerca de 180km de distância. A capital nacional, Tegucigalpa (a 390km), oferece menos possibilidades de conexões, mas é uma opção algo interessante caso deseje visitá-la antes de seguir viagem. Alternativamente, a Cidade da Guatemala está a 230km de distância, enquanto San Salvador, capital de El Salvador, encontra-se a 210km. Ambas capitais estão melhor conectadas internacionalmente que Tegucigalpa. Ônibus diretos ligam San Pedro Sula, Tegucigalpa e a Cidade da Guatemala a Copán Ruinas.

Bem-vindo a LATAM Explorer

 

Leitura Sugerida

América Central

 



Booking.com

 

 

Galeria de Imagens


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *