Home > Destinos > Argentina

Argentina

A Argentina é o oitavo maior país do mundo, e o segundo maior da América Latina, atrás apenas do Brasil, com um território que se prolonga por mais de 4.000km desde a Passagem de Drake, no extremo sul até mais além do Trópico de Capricórnio ao norte. Em termos populacionais, com cerca de 44 milhões de habitantes, a Argentina fica atrás apenas do Brasil, México e Colômbia entre os países latino-americanos.

Capital e maior cidade do país, Buenos Aires abriga em sua área metropolitana praticamente um terço da população nacional. Esse é também, sem surpresas, o principal centro econômico, cultural e turístico do país. Aqui se encontram os dois principais aeroportos da nação: o Aeroparque Jorge Newbery, localizado na região central da cidade, dedicado principalmente a suprir a demanda de voos domésticos, mas também com algumas conexões diretas aos países vizinhos, e o Aeroporto de Ezeiza, responsável pela grande maioria das chegadas e partidas internacionais, localizado a cerca de 30km do centro da cidade. Buenos Aires é o lugar ideal para um primeiro contato com a Argentina, oferecendo ótimos passeios ao ar livre, excelente gastronomia e a oportunidade de experimentar o melhor do tango mundial. De quebra, encontra-se em frente ao Rio da Prata, a apenas uma hora de navegação de Colônia do Sacramento, uma das cidades mais atraentes do Uruguai.

Casa Rosada (Sede de la Presidencia), Buenos Aires, Argentina
Casa Rosada (Sede de la Presidencia), Buenos Aires, Argentina

Localizada a 700km da capital, vencidos em uma viagem de 9 horas de ônibus ou pouco mais de uma hora de avião, a segunda maior cidade do país é um destino frequentemente negligenciado pelos visitantes, mas que está preparada para surpreender os que decidem fugir dos lugares comuns. Córdoba é uma agradável metrópole situada no coração dos pampas, de marcada influência jesuíta, e abraçada por conjunto de serras.

Iglesia del Sagrado Corazón, Córdoba, Argentina
Iglesia del Sagrado Corazón, Córdoba, Argentina

Seguindo outros quase 700km rumo ao oeste (com as mesmas 9 horas de ônibus ou 1 hora de avião), e já adentrando o deserto do Cuyo, encontra-se a cidade de Mendoza. Apesar de relativamente grande, Mendoza é um lugar tranquilo, com um centro compacto e constituído por ruas bem arborizadas que incluem um sistema bastante original de irrigação, o qual permite que o degelo da vizinha Cordilheira dos Andes circule por canais a céu aberto a beira das calçadas. A região de Mendoza é conhecida sobretudo por ser a principal produtora de vinhos da Argentina. Extremamente quente no verão, a região apresenta um clima agradável no restante do ano. Durante a temporada de inverno, a estação de esqui de Las Leñas, uma das mais bem equipadas do hemisfério sul, pode ser visitada encontrando-se 360km ao sul da capital provincial. Alternativamente, a fronteira com o Chile encontra-se apenas 200km a oeste de Mendoza.

Plaza San Martin, Mendoza, Argentina
Plaza San Martin, Mendoza, Argentina

Continuando em direção ao sul do país, num total de 1.150km desde Mendoza, chega-se a uma região particularmente encantadora. O trecho entre San Martín de los Andes e San Carlos de Bariloche, com 190km de extensão, oferece a oportunidade de passear entre bosques, lagos e vulcões em meio a uma paisagem que vai mudando no ritmo das estações do ano.

A partir de Bariloche, o caminho em direção ao sul ganha ares de aventura na medida em que se percorre a lendária Rota 40. 1.400km adiante, já bastante fundo em território patagônico, a pequena cidade de El Calafate oferece a estrutura necessária para uma pausa merecida no roteiro. Aqui perto encontra-se o Glaciar Perito Moreno, um dos mais facilmente acessíveis gigantes de gelo nesses lados do planeta. Para quem já veio de tão longe, pode muito bem fazer sentido seguir viagem até o "fim da linha" de modo a conhecer a cidade mais austral do mundo. Ushuaia se encontra 870km ao sul de El Calafate, ou mais convenientemente por esses lados, a pouco mais de 1 hora de voo.

Glaciar Perito Moreno, El Calafate, Argentina
Glaciar Perito Moreno, El Calafate, Argentina

Com uma enorme variedade de climas, paisagens e vegetação, sempre é um bom momento para visitar alguma parte da Argentina. Vagar pelo interior da Patagônia durante o inverno pode ser algo depressivo, mas  é justamente um ótimo momento para aproveitar a neve na cordilheira e é quando o calor dá uma trégua no centro e norte do país. Esse é um bom momento para ver as missões jesuíticas e as Cataratas do Iguaçu, na região da tríplice fronteira com o Brasil e Paraguai. O verão é o melhor momento para visitar o sul do país.

Bem-vindo a LATAM Explorer

 

Leitura Sugerida

Argentina

 



Booking.com

 

 

DESTINOS NA ARGENTINA:

Galeria de Imagens


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *