Home > Destinos > Ilhas do Caribe > Ilhas Virgens Americanas

St. Croix - Ilhas Virgens Americanas

St. Croix é a maior entre as Ilhas Virgens, um grupo de ilhas localizadas no setor norte das Pequenas Antilhas, no oriente do Caribe, entre Porto Rico e St. Martin. Politicamente, as ilhas mais orientais formam as Ilhas Virgens Britânicas, enquanto as ocidentais constituem as Ilhas Virgens Americanas, um território administrado pelos Estados Unidos. Três ilhas principais formam as Ilhas Virgens Americanas: St. John, um paraíso natural; St. Thomas, um dos portos mais movimentados do Caribe, onde encontra-se a capital Charlotte Amalie; e St. Croix, a ilha mais meridional e a maior, com uma área de 214km² e cerca de 51 mil habitantes.

Ao longo dos séculos, sete bandeiras nacionais tremularam soberanas em St. Croix, uma vez que o controle sobre a ilha era frequentemente negociado entre grandes as potencias. Espanha, Holanda, a Ordem de Malta, o Reino Unido, França, Dinamarca e Estados Unidos já controlaram essas terras. Não chega a ser surpreendente, portanto, que a história seja um dos grandes atrativos da ilha: mais de duzentos lugares de significância histórica estão catalogados ao longo da ilha.

Frederiksted
Frederiksted

Entre os destaques, encontra-se o Estate Whim Plantation Museum que, em seus 50 mil m² de edifícios restaurados do século XVIII, incluídos os alojamentos dos escravos, a moradia principal, moinho e complexos fabris, serve de testamento ao trabalho dos escravos africanos e aos sonhos dos europeus que buscavam a riqueza do açúcar no Caribe. A uma pequena distância dali está a destilaria Cruzan, que há mais de 300 anos produz o rum mais conhecido da região, além de oferecer passeios pelo parque fabril e permitir a degustação de seus destilados premiados. Ambas atrações estão localizadas ao longo (ou bastante próximo) da principal rodovia da ilha, que conecta as cidades de Frederiksted e Christiansted.

Tanto uma cidade quanto a outra são suficientemente pequenas para serem percorridas a pé. Embora Frederiksted não seja particularmente bonita, abriga o Fort Frederik, local de importantes acontecimentos históricos e que hoje abriga um pequeno museu. Christiansted, por outro lado, é mais simpática ao visitante, contando com diversas lojas e restaurantes, uma marina bastante movimentada e o Fort Christiansvaern, de onde pode-se imaginar como deve ter sido a vida dos primeiros colonizadores da ilha.

Christiansted
Christiansted

Apesar de ser uma ilha relativamente compacta, St. Croix é melhor percorrida tendo-se um carro a disposição uma vez que o sistema de transporte público é bastante limitado. Dito isso, deve-se ter em conta que aqui dirige-se pela esquerda (mão inglesa) e que estrangeiros precisam adquirir uma autorização para dirigir na ilha (por cerca de $25). A qualidade das estradas varia de boa a absolutamente sofrível, sendo que o trecho da Hwy 63 no North Side requeria alta perícia por parte do motorista à época da minha última visita (novembro de 2015). Ainda assim, um automóvel próprio (ok, alugado) é o modo mais viável de alcançar alguns dos locais mais interessantes da ilha, como Cane Bay (norte), Point Udall (leste) e Sandy Point (sudoeste).

Sandy Point
Sandy Point

Cane Bay é uma praia familiar bastante popular e também um dos melhores locais de mergulho na ilha - a menos de 100m da costa, uma muralha (The Wall) começa a despencar dos 15 aos 1.000m de profundidade. Outro lugar muito bom para nadar, dessa vez praticando o snorkeling, é Buck Island, uma pequena ilha, alcançada a partir de Christiansted, que permite a observação de uma grande variedade de esponjas, corais, peixes e crustáceos. O acesso à Point Udall, o extremo mais oriental dos EUA, passa por uma bonita paisagem de colinas onduladas. Sandy Point, por sua vez, é a maior praia das Ilhas Virgens Americanas e sede de uma reserva de vida animal, dedicada principalmente a promover a reprodução de tartarugas. Geralmente está aberta ao público apenas nos finais de semana.

Point Udall
Point Udall

O aeroporto de St. Croix recebe voos a partir dos Estados Unidos continental, de Porto Rico e de St. Thomas, além de algumas outras ilhas vizinhas, em menor escala. Também é possível chegar à ilha tomando um ferry (90 minutos) a partir de St. Thomas. Finalmente, o porto de Frederiksted recebe alguns navios de cruzeiro, de modo que é possível passar um dia na ilha como parte de um circuito pelo Caribe.

Bem-vindo a LATAM Explorer

 

Leitura Sugerida

Caribe

 



Booking.com

 

 

Galeria de Imagens


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *